sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Três anos de Itália

Três anos? De verdade? Como o tempo voa... Não pensei que fosse chegar tão depressa o dia de comemorar três anos de vida na Itália. Desembarquei aqui no dia 28 de fevereiro de 2011 e nunca vou esquecer aquele dia. Eu cheguei cheia de sonhos. Um misto de alegria, ansiedade, amor... Não sabia o que viria pela frente, mas lembro que cheguei com muita disposição e vontade de que minha vida desse certo. E deu. Aqui estou eu, comemorando alegremente estes três anos. Estou muito feliz por isso!  
Acho que durante este tempo aprendi tanto como jamais teria se ainda morasse no Brasil. Isso porque minha vida mudou literalmente da água para o vinho. 
Mas, como nem tudo é perfeito, aprendi o verdadeiro significado da palavra saudade. Mais especificamente, "saudade de casa". Saudade de tudo aquilo que é conhecido, de uma vida inteira, de alegrias passadas e de boas recordações. 


Como boa canceriana que sou, adoro relembrar os momentos bons vividos no passado. E vocês, vão relembrar (ou conhecer) estes momentos comigo agora. 



Janeiro 2011 - Eu estava deixando o meu emprego em São Paulo, mas antes disso, ganhei no sorteio da festa de final de ano da empresa, um vôo de helicóptero para ver São Paulo "do alto".





A vista lá de cima é esta.

Fevereiro de 2011 - O passeio pelo centro de Ancona não poderia faltar.


Abril de 2011 - Passeio pela minha nova cidade: Camerano




Maio de 2011 - Enfim casada!


Junho de 2011 - Passeando pelo Centro Velho de Ancona e respirando história, do jeito que eu gosto. Ô coisa boa.

Julho de 2011 - Lua-de-mel em Londres

Agosto de 2011 - Hora de ir à praia

Setembro 2011 - Despedida da praia. O verão estava acabando...

Outubro de 2011 - Excursão nas montanhas
 

Novembro de 2011 - Encontro com amigos em Roma. 
Quando joguei minha primeira moeda na Fontana di Trevi em abril de 2010, não imaginei que o meu desejo de voltar à Roma se realizaria tantas vezes.


Dezembro de 2011 - Viagem à República de San Marino para fechar o ano com chave de ouro.

Foram tantas emoções. Algumas muito boas, outras nem tanto. Mas é vida é assim, feita de altos e baixos aqui ou em qualquer lugar. Sinto muito falta do Brasil, mas ao mesmo tempo também estou muito feliz em saber que a minha casa atual é a Itália. Para melhorar... será que não dava pra ter os dois?

Um beijo à todos,

Larissa.

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Salões de Cabeleireiro na Itália

Quando o assunto é cabelo eu me considero a pessoa mais exigente da face da terra. No Brasil eu adorava quando chegava a hora de ir dar um trato na juba no salão. Passava horas sentada conversando com o cabeleireiro sobre os mais variados temas enquanto ele cuidava dos meus cachos. Normalmente quando pisava no salão, eu era a Gata Borralheira e sempre saía de lá me sentindo a Cinderela.
Infelizmente coisas assim são "águas passadas" na minha vida. Desde que cheguei à Itália, parei de frequentar os amados salões. Culpa dos preços altos, da pressa dos cabeleireiros e porque não dizer também, de não ter tido paciência e dinheiro suficientes para encontrar o cabeleireiro certo. Me cansei antes. Me cansei de pagar caro pelo serviço e sair quase sempre insatisfeita.
Tenho que destacar que cabelos crespos não são "o forte" dos cabeleireiros italianos. Até porque não é o típico cabelo que se encontra com frequência por aqui.
Minha melhor decisão então foi fazer tudo em casa. E quando conto às pessoas sobre isso, sempre me perguntam: "Até o corte???". Sim senhora. Até o corte. Aprendi a cortar o meu próprio cabelo assistindo tutoriais no youtube. Para mais informações, assista o vídeo abaixo.



Links úteis

- Relato de uma profissional que trabalhou em salão de cabeleireiro aqui na Itália:                       http://vanessa-diarionaitalia.blogspot.it/2009/08/salao-de-beleza-italiano.html

- Vídeos sobre Corte de Cabelo Rayza Nicacio:
http://www.youtube.com/watch?v=yqTJVa_N8lc
http://www.youtube.com/watch?v=AvfgVfGJggs
http://www.youtube.com/watch?v=jFlYMQy0hcs


Lembrando que tudo que conto nesse vídeo/post está ligado à minha experiência. Se a sua foi igual à minha ou diferente, não esqueça de deixar um comentário me contando. Vou adorar ler a tua história.

Um beijão,

Larissa.

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

O que está acontecendo???

Quem me segue com frequência, com certeza deve ter notado que ultimamente estou um pouco ausente seja do canal no youtube que aqui no blog e que na página do facebook. O motivo é que ultimamente estou me sentindo mal, preocupada... O motivo de tudo isso é que estão acontecendo situações muito complicadas em família, doenças. Prefiro não entrar em detalhes quanto à isso porque não quero expor a minha vida familiar além do que seria necessário. E porque tem muito a ver com o meu caráter, ficar quietinha em momentos tristes... Resumindo, peço desculpas à todos os meu leitores, mas tem faltado inspiração. Até porque, por viver fora do Brasil, me sinto como a última a saber de tudo e alguns parentes meus não me dizem tudo o que tem pra ser dito porque têm medo que eu fique preocupada e o resultado é que eu fico sempre pensando se há mais alguma a ser dita. Enfim, um círculo vicioso que leva meus pensamentos a estar sempre voltados na direção do Brasil. 



Espero contar com o apoio de vocês.

Um abraço forte,

Larissa.